Flamengo sai vencendo, mas sofre a virada no Olímpico: 4 x 2 - Manchete do São Francisco

Manchete do São Francisco

JM News: 9 anos desde 08/03/11

Últimas

30 de outubro de 2011

Flamengo sai vencendo, mas sofre a virada no Olímpico: 4 x 2


 O Flamengo não conseguiu aproveitar a vantagem que criou no primeiro tempo diante do Grêmio e acabou derrotado por 4 a 2, no Olímpico, neste domingo (30/10). Deivid e Thiago Neves marcaram para o Rubro-negro, mas o Tricolor gaúcho conseguiu chegar ao triunfo no segundo tempo, com gols de André Lima (2), Douglas e Miralles.

Com o resultado, o Flamengo caiu para a quinta posição, com 52 pontos. O próximo compromisso rubro-negro será diante do Cruzeiro, no Engenhão, no próximo final de semana.

Na primeira etapa, o Flamengo já mostrou que queria, e muito, jogo. Aos três minutos Thomás foi derrubado na entrada da área. Ronaldinho cobrou com precisão, Vitor conseguiu encostar na bola e ela ‘beijou’ o travessão. Em resposta, o Grêmio atacou e Douglas chutou com perigo para boa defesa de Felipe.

Logo depois, aos 11, Deivid tabelou com Ronaldinho e ficou cara a cara com Vitor. Mas o atacante do Flamengo chutou para fora. Novamente com Douglas o Tricolor gaúcho respondeu, mas Felipe defendeu bem.

Mostrando muito empenho, o Flamengo continuava a dominar o jogo. Thomás roubou bola de Gilberto Silva, arrancou e tocou para Deivid. O camisa 9 passou para R10, que driblou seu marcador, chutou, mas acabou travado, na frente de Vitor. Era um ‘esquenta’ para o primeiro gol rubro-negro.

Aos 24 minutos, Thiago Neves deu um lindo passe, de costas, para Deivid. O matador, com frieza, entrou na área e chutou no canto direito do goleiro Vitor. Em seguida, Ronaldinho achou Deivid novamente e, após se livrar de Vitor, ele tentou cruzar, mas a defesa gremista conseguiu colocar para escanteio.

O Flamengo mantinha a tranqüilidade e saía muito bem nos contra-ataques. E exatamente assim conseguiu o segundo tento. Após boa troca de passes entre Ronaldinho e Junior Cesar, a bola chegou do outro lado do ataque, em Léo Moura. O lateral direito tocou para Thiago Neves, que chutou forte. A bola desviou na defesa do Grêmio e morreu no fundo do gol.

Em lance parecido com o do segundo gol, Thomás quase aumentou, mas foi o Grêmio que conseguiu chegar ao primeiro gol. André Lima recebeu bola na área, girou e chutou no canto de Felipe.

Veio o intervalo e o Grêmio retornou ao gramado com uma postura mais agressiva. E logo aos cinco minuto empatou. Douglas passou bola para André Lima e o atacante chutou bem, de fora da área, no cantinho do goleiro rubro-negro: 2 a 2.

A partir daí, a partida ficou morna, com os dois times segurando um pouco mais o ímpeto. Só que o Grêmio assustava mais. Fazendo uma bela partida, o meia Douglas recebeu, aos 34 minutos, bola na direita do ataque gremista, driblou e chutou, preciso, no canto de Felipe, que nada pode fazer: 3 a 2.

No ataque seguinte, Ronaldinho conseguiu virar em cima de seu marcador, na entrada da área do Grêmio, mas acabou chutando sem direção, para fora. Luxemburgo, que já tinha mexido na equipe duas vezes, para a entrada de Diego Maurício e Muralha (saíram Deivid e Thomás), colocou Jael em campo, no lugar de Airton, para buscar um resultado melhor.

Mas quem marcou foi o Grêmio, com Mirales, num chutaço de fora da área. A partir daí, não dava mais para o Flamengo chegar. Fim de papo: 4 a 2.


Fonte: Rádio Itaperuna

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages