Gestores e Policias vão a Câmara Municipal de Propriá debater sobre Segurança Pública - Manchete do São Francisco

Manchete do São Francisco

JM News: 9 anos desde 08/03/11

Últimas

24 de novembro de 2011

Gestores e Policias vão a Câmara Municipal de Propriá debater sobre Segurança Pública



Na sessão do dia (24), participaram do evento, o presidente da Comissão de Constituição de Justiça da Assembléia Legislativa de Sergipe, deputado capitão Samuel, representantes das polícias Civil e Militar, vereadores e o prefeito José Américo Lima. Representantes da população também lotaram as galerias casa legislativa municipal. A partir desta audiência, será produzido um relatório, que será encaminhado ao Governo doEstado.

Após a formação da mesa de abertura, a delegada, Viviane Pessoa, que estava representando a superintendência de Polícia Civil em Sergipe, fez uma explanação das ações de segurança pública executadas pelo Governo de Sergipe. Segundo a delegada, Sergipe é um dos estados que mais investem em segurança nestes últimos anos, prova disso é que os resultados são considerados satisfatórios. “O Governo de Sergipe vem realizando investimentos consideráveis em segurança pública. O nosso Estado é um dos que mais investem neste setor”, relatou a delegada.

Viviane Pessoa destacou também que apesar dos investimentos, ainda existem falhas. “Apesar da somação de esforços e de todas as ações que vem sendo realizadas, sabemos que ainda existem falhas, mas a polícia sergipana está trabalhando de forma integrada para garantir mais tranqüilidade à população. O nosso maior resultado é a redução no índice de homicídios e o combate a entorpecentes e pequenos furtos. Queremos frisar que o nosso trabalho se torna mais difícil por conta do baixo efetivo, e este problema só será resolvido com a realização de concurso público”, disse.

O chefe do policiamento militar do interior, coronel Andrade, também fez uma explanação das ações desenvolvidas pela Polícia Militar. “Como disse a delegada, a polícia sergipanas está trabalhando de forma integrada para garantir a tranqüilidade da população. Assim como na Polícia Civil, nós da Polícia Militar também estamos com um efetivo reduzido. Em muitas vezes, o trabalho se torna difícil, mas nos esforçamos ao máximo para desenvolver um bom trabalho. Mas, apesar das dificuldades, os resultados alcançados são satisfatórios”, destacou o coronel.

Em discurso, o prefeito de Propriá, José Américo Lima destacou o trabalho desempenhado pelos profissionais da segurança pública, mas também reconheceu que existem falhas e isso precisa de solução.

Após as explanações, a discussão foi aberta aos vereadores e aos representantes da população, o Presidente da Câmara o Vereador Paulinho Campos (PT), ressaltou que todos os vereadores estão fazendo de tudo para amenizar esta situação cobrando providências, pois é dificil alguma sessão na câmara que não seja cobrado em projetos em relação a Seguranaça pública inclusive esta Casa de Leis já se reunio com o Secretário João Eloi e o Sr. Cel. Andrade, porem infelismente as coisas tardam a acontecer, varios requerimentos e projetos colocados em prática porem muito pouco foram colocados em prática. Infelismente a segurança publica do nosso municipio chegou ao ponto de ter veiculos e não ter quem conduza os automóveis.

Dentre as perguntas que foram abordadas foram cobradas, aumento do efetivo policial em forma de Concurso para ambas as Policias, construção de unidades do CIP (Centro Integrado de Policia), Policiamento de Fronteira, Combate as drogas, dentre outros assuntos inerentes.

O vereador José Aelson (PDT), altercou que os delegados de policia do nosso Municipio tem feito um trabalho extraordinário, mas nota-se que que os nobres delegados estão “tirando leite de pedra” , o mesmo ainda explana que não ver como melhorar a segurança sem o aumento do efetivo, em pesquisa mostra que Sergipe investiu 48.33% em Segurança Pública e foi o Estado que mais invistiu em segurança, então questiona se este investimento foi de forma correta, pois Propriá não tem a segurança devida, a exemplo do Comércio local que constantemente é alvo de roubos prejudicando os comerciantes do nosso Municipio.

O Vereador Genival Moreira (Gena) (PTC) lembra que Propriá é uma cidade divisa, onde a muito fluxo de veiculos entrando e saindo na cidade, onde tem que haver um maior policiamento para com esse moviemnto de entrada e saida devido a comercialização de drogas, temos que fechar parceria com o governo do estado para assim reforçar o policimanento da cidade, temos que olhar tambem para os interiores onde precisam ainda mais no efetivo policial.

A Vereadora Rosélia Maria (PTC) reconheçe o esforço dos policias engajados no trabalho arduo da segurança Publica Municipal, no entanto Propriá hoje agoniza por falta de segurança, cita como exemplo o roubo recentemente de seu automovel. Ja não é mais surpresa ouvir falar em roubos na cidade, a parlamentar ainda pede que o governo faça alguma coisa pela segurança de Propriá, pois nos estamos vulneraveis a quaisquer situações.

Em seu pronunciamento o Vereador Marcos Oliveira (PV), afirma que o problema é de muitos anos, e não é só em Propriá mais tambem em todo Brasil, e para combater este problema é necessário material humano, foi falado que o efetivo está em 50%, fora aqueles que estão doentes, ou algum outro problema, e do que precisamos hoje, é de Concurso Público.

O Vereador Fernandinho Britto (PT) alencou que este problema é devido o crescimento populacional das cidades, isso é normal em todo lugar, mas o Governo tem que acompanhar este crescimento investindo em policiais efetivos para suprir as necessidades dos municipios.

O Vereador Jurandy Sandes (PDT) conclui o debate alegando que o problema é de todos, porem quando o problema é de segurança publica os vereadores irão sempre cobrar explicações dos gestores da Segurança como está sendo no dia de hoje. O Parlamentar tem certeza que esta iniciativa irá surgir efeito e levando ao governador e assim possa amenizar este problema do municipio.

Com trechos de informações da Ascom/Prefeitura de Propriá

Fonte/Autor: Ascom/Câmara/Roberto Jr.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages