Universidade Tiradentes comemora 50 anos - Manchete do São Francisco

Manchete do São Francisco

JM News: 9 anos desde 08/03/11

Últimas

23 de abril de 2012

Universidade Tiradentes comemora 50 anos



A programação se estenderá pelo mês de maio

A Universidade Tiradentes comemora 50 anos da instituição com extensa programação. Na sexta-feira, 20, será celebrada uma missa em ação de graças, a partir das 18h, na capela do Campus Farolândia. No sábado acontece uma solenidade no campus da própria Universidade e no domingo, a Unit reúne mil competidores na avenida Beira Mar, em Aracaju, durante a 3ª Corrida Tiradentes, que distribuirá R$ 6 mil em prêmios.

No mês de maio será lançado um livro sobre da história da Universidade Tiradentes, escrito pelo reitor, Jouberto Uchôa de Mendonça, em coautoria com a pesquisadora Maria Lúcia Marques. No segundo semestre, a Unit lançará mais uma obra literária, uma autobiografia do professor Uchôa, primeiro tecelão homem de Sergipe, ex-vigilante, que hoje figura como um dos maiores contribuintes para o desenvolvimento do Estado.

De Colégio a Universidade

Tida como a segunda maior instituição de ensino superior particular do Nordeste, a Universidade Tiradentes é o resultado de um projeto que começou em março de 1962, com a fundação do Colégio Tiradentes, na Rua Laranjeiras, Centro da capital. A escola oferecia os cursos de primeiro e segundo graus, Profissionalizante-Pedagógico e Contabilidade.

Cinco anos após a inauguração, na madrugada de 25 de fevereiro de 1967, uma ordem de despejo parecia pôr fim ao sonho do professor Uchôa. Mas as dificuldades foram superadas. Em 1969, o Colégio Tiradentes ganhou sede própria, em um terreno comprado à prestação na rua Lagarto. Neste local, nasceu a ideia de implantar os primeiros cursos de nível superior.

No dia 11 de julho de 1972, o MEC oficializou a implantação dos cursos superiores de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis. Depois vieram Direito, Comunicação e Biblioteconomia. O Colégio Tiradentes deu lugar às Faculdades Integradas Tiradentes. Em 1994, as Fits foram elevadas à condição de universidade. O primeiro campus da Unit, no foi instalado no Centro de Aracaju, em uma área de mais de 17 mil metros quadrados. Hoje, sua estrutura abriga o moderno Teatro Tiradentes e a Clínica Odontológica.

Memorial de Sergipe

A Unit também mantém um dos mais ricos acervos da história e da cultura de Sergipe. O Memorial de Sergipe e o Centro de Memória Lourival Baptista disponibilizam um vasto material de pesquisa. O Memorial possui cerca de 16 mil peças que vão desde fósseis, passando por utilitários, até documentos e fotos históricas que oferecem ao visitante conhecimento aprofundado sobre a história do Estado. As salas temáticas obedecem a uma cronologia que registra importantes momentos dos 50 anos da Unit, além de coleções particulares de vultos como a artista plástica Rosa Faria e Virgulino Ferreira da Silva, o cangaceiro “Lampião”.

Serviços à Comunidade

A Universidade Tiradentes cumpre um importante papel social, por meio dos projetos de extensão nas mais diversas áreas. Alguns exemplos dos serviços: Clínica Odontológica e de Bebês (cerca de 100 mil atendimentos); Laboratório Central de Biomedicina; Centro de Educação (ensino fundamental gratuito para 300 crianças carentes); Clínica de Psicologia; Centro de Saúde (tratamento gratuito de fisioterapia para milhares de pacientes de Sergipe, Bahia e Alagoas); entre outros.

Fonte: Ascom Unit
apud Infonet

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages