Candidato que compra voto não merece sua confiança - Manchete do São Francisco

Manchete do São Francisco

JM News: 9 anos desde 08/03/11

Últimas

15 de julho de 2012

Candidato que compra voto não merece sua confiança

Candidato que compra voto não merece sua confiança

E assim ele(a) chega...
Batidinha em minhas costas, até meu filho abraça. Diz ser meu amigo, mas não quer ouvir os meus sonhos nem a minha opinião.
Fala muito e muito promete. Oferece um par de tênis e dá seu número pra eu gravar.
Lembro meu filho de pé descalço e fico tentado a aceitar.
Mas que adianta um tênis novo, se falta tudo: comida, saúde e até educação.
Olho bem nos olhos do candidato e cheio de coragem digo: NÃO!

E assim ele(a) chega...
Nem olha na nossa cara. Faz de conta que é um rei. Ignora a nossa presença e os problemas do bairro. Não quer ouvir nossas ideias nem fala de soluções.
Fala mal do adversário, mas nada promete. E ainda cobra o nosso voto em troca de tijolos.
Olho pro meu barraco e me dá uma tentação. Mas vejo na porta minha filha. Então lembro que aquele homem feito rei construiu o seu castelo com o dinheiro do nosso pão.
Olho bem nos olhos dele e cheio de coragem digo: NÃO!

E assim ele(a) chega...
Olha em volta a realidade em que eu vivo. Quer saber o meu nome e os problemas do meu  bairro. Ouve as minhas ideias e propostas. Não me dá nenhum presente e nada promete. Mas assume o compromisso de ouvir todas as pessoas, defender nossos interesses e usar bem nosso dinheiro.
Penso na minha vida, nas minhas lembranças, no futuro da minha filha. Sinto o meu valor e percebo a importância do meu voto.
Minha resposta será na urna, pois sou cidadão consciente.

CONCLUSÃO
O candidato dá uma pilha de tijolos agora, mas, quando eleito, não trabalha para garantir a todos o acesso à saúde, educação, moradia e ao emprego.
Você ganha uma dentadura, mas abre mão de ter hospitais e postos de saúde. Ganha um par de tênis, mas não tem transporte público de qualidade.
Candidato corrupto não quer resolver os seus problemas, só quer o seu voto.
Portanto, quando você troca o voto por um favor pessoal, elege um candidato corrupto r Prejudica centenas de pacatubenses, inclusive sua família.
Neste sentido, a pessoa que oferece presentes ou favores em troca do seu voto não respeita a sua opinião nem os direitos. Acredita que, por ter comprado o voto, já saldou o compromisso com os eleitores.
Por fim, não venda, não troque e nem negocie seu voto.
Fonte: www.eleitoral.mpf.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages