Pais negociavam o Abuso Sexual de Filha com 6 anos por 5 reais em Propriá - Manchete do São Francisco

Manchete do São Francisco

JM News: 9 anos desde 08/03/11

Últimas

8 de março de 2013

Pais negociavam o Abuso Sexual de Filha com 6 anos por 5 reais em Propriá

Mais um caso de pedofilia foi registrado em um município no interior do estado. Nesse caso o que chamou a atenção dos policiais e chocou a população foi o fato de os próprios pais de uma criança de apenas 6 anos “oferecer” a menina para ser objeto de abuso sexual. Em conversa com a psicóloga, contou que “de hoje que acontece isso”.

Um casal foi preso na tarde da ultima terça-feira (26), sob acusação de estarem oferecendo a filha de apenas 6 anos para que fosse abusada sexualmente.

Após a prisão a policia esclarece que José Orlando dos Santos e Joelma Silva Santos permitiam que sua filha de seis anos fosse levada por um homem identificado como José Bezerra dos Santos conhecido, 51 anos, vulgo Zé, para a prática de abuso sexual.

Recebemos a denúncia, via Conselho Tutelar, que corriqueiramente o José Bezerra pegava uma criança na casa dos pais e a levava para praticar atos sexuais em sua residência e por vezes em um local conhecido por ´Dreno´, tudo isto com a anuência dos pais da menor que recebiam dinheiro em troca do consentimento, explicou um dos delegados.

Os policiais foram avisados que no exato momento o acusado havia pego a menor na casa de seus pais e a levou para o Dreno, espécie de córrego utilizado para irrigação, localizado no Conjunto Maria do Carmo.

Nos deslocamos até o local juntamente com duas conselheiras e lá chegando presenciamos o indivíduo conhecido por ´Zé´ bem próximo da menor que estava usando apenas um short, sem calcinha e com o zíper aberto. Percebemos que ela quando notou a nossa presença tentou fechar o short rapidamente, explicou Santana.

O acusado foi detido e encaminhado para a Delegacia Regional de Propriá e a menor para o Conselho Tutelar. Pedimos auxílio da psicóloga do CRAS que se dirigiu ao local e após uma longa conversa com a menor, nos informou que esta lhe disse que constantemente era abusada pelo acusado com a anuência de seus pais que recebiam dinheiro, destacou o delegado.

Logo após a prisão do acusado a polícia prendeu os pais da menor após a confirmação por outra filha do casal que disse que o fato acontecia constantemente com o aval dos pais que recebiam dinheiro. Ela ainda disse que seus pais tentaram sem sucesso fazer o mesmo com ela lhe oferecendo para José Bezerra. E que seu pai é viciado em crack, usando a droga na frente dos filhos, salientou Fábio Santana.

A menor confidenciou a polícia que há muito tempo vinha ocorrendo o abuso sexual e que Zé acariciava seu corpo por inteiro inclusive seus orgãos genitais e a obrigava acariciar seu pênis, como também introduzia o dedo em sua vagina. Ela afirmou, ainda, que o acusado praticou os mesmos atos mediante o pagamento de R$ 5,00.

A prisão foi efetuada pela Polícia Civil da cidade de Propriá, sob a coordenação dos delegados Fábio Santana e Cledson Ferreira. Todos os envolvidos foram presos em flagrante delito e responderão pelo crime de estupro de vulnerável.

As informações são da SSP/SE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages