FPI resgata mais de 250 pássaros silvestres em Porto Real do Colégio e São Brás-AL - Manchete do São Francisco

Manchete do São Francisco

JM News: 10 anos desde 08/03/11

Últimas

26 de maio de 2017

FPI resgata mais de 250 pássaros silvestres em Porto Real do Colégio e São Brás-AL

Jabutis também foram apreendidos em algumas residências



A Fiscalização Preventiva Integrada – FPI, desembarcou na manhã desta quinta-feira (25) nos municípios alagoanos de Porto Real do Colégio e São Brás. A Equipe Fauna, composta por membros de várias instituições ligadas ao meio ambiente, teve mais uma vez a missão de resgatar passarinhos, que vivem privados do seu habitat natural além de serem mau tratados por pessoas que visam apenas o status em manter um animal que é valioso no mercado ilegal destas aves.
Na Zona Urbana de Porto Real do Colégio, a FPI conseguiu resgatar um número bastante expressivo de pássaros silvestres de várias espécies, dentre eles, um Papagaio do Mangue, o qual em um primeiro momento os criadores impediram o acesso da fiscalização, escondendo o bicho no telhado da casa. Após conversa com os proprietários, mostrando que o melhor caminho seria o da doação, os donos do bicho acabaram cedendo e compreenderam, colaborando assim com a FPI e entregando o animal. Curiosamente, os criadores alegaram que o bicho era bastante agressivo e só se dava com a dona, mas para surpresa de muitos, o papagaio voou para o ombro de um dos membros da fiscalização e permaneceu com ele por grande parte do tempo.





Na periferia da cidade, cerca de oito jabutis foram resgatados de duas residências. Infelizmente a criação destes animais se dá por pessoas mais idosas que acreditam em crenças sobre estas tartarugas de água doce.

POVOADO TIBIRI, EM SÃO BRÁS, TAMBÉM FOI ALVO DE FISCALIZAÇÃO

Durante a operação em Porto Real do Colégio, os “Carrancas” foram até o Povoado Tibiri, pertencente ao município alagoano de São Brás. As ações aconteceram em várias ruas da comunidade e vários pássaros silvestres foram apreendidos. Em uma única casa, 8 passarinhos foram resgatados, dentre eles uma arara que ficava em um viveiro bastante pequeno, impossibilitando a ave de se locomover.

ADMIRAÇÃO E RECONHECIMENTO DE UM TRABALHO QUE SALVA ANIMAIS
Em uma das residências que sofreu a apreensão de pássaros silvestres, a mãe de uma criança que estava sozinha em casa, confiou o seu filho nos braços de um dos policiais do Batalhão da Polícia Ambiental – BPA. A criança ficou admirada com o militar, e encheu de emoção a equipe pela felicidade e inocência daquele bebê, fazendo lembrar que são por eles que este trabalho surtirá efeito em um futuro.
A operação resgatou aproximadamente 270 pássaros e 8 jabutis, nas cidades de Porto Real do Colégio, São Brás, Junqueiro e Zonas Rurais da região.
Todos estes animais foram encaminhados para um setor de triagem. Lá eles receberão todo o carinho e cuidado de uma equipe especializada e em seguida serão devolvidos para a natureza.

Por Boa Informação
26/04/2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages